Você está aqui: Capa > Comportamento > Dez Dicas De Psicólogos Para Lidar Com Problemas De Fertilidade

Dez Dicas De Psicólogos Para Lidar Com Problemas De Fertilidade

Problemas De Fertilidade E As 10 Melhores Dicas De Psicólogos Para Superar A Pressão

Por Raphaela Perin

Problemas de Fertilidade

Problemas de Fertilidade

Toda mulher tem o desejo de ser mãe, em maior ou menor grau. Quando se casam, é quase que natural querer gerar um filho, mas, quando isso não acontece, a pressão da sociedade é muito grande. Todos começam a questionar o que está acontecendo e a mulher tenta descobrir de todas as formas o que a está impedindo de engravidar.

Esta tensão que acaba se gerando faz com que o lado psicológico da mulher seja extremamente afetado e isso traz consequências nefastas para toda a sua vida. Mas, então, o que fazer para lidar melhor com esse problema? Psicólogos afirmam que há 10 dicas principais que podem modificar totalmente a postura da mulher perante este problema.

O Que Fazer

Como informado, há 10 medidas que ajudam a superar o problema da mulher ao não conseguir engravidar. Assim, a primeira coisa a se fazer é admitir que a dificuldade de conseguir engravidar é realmente um problema. De maneira geral, a mulher que não consegue engravidar fica triste, estressada e não sabe o que fazer. Reconhecer que esse sentimentos são normais e que é comum sentir-se assim, sem se recriminar ou culpar pelo que está acontecendo, é crucial para conseguir superar esse problema.

Além disso, não se culpar pelo fato de não engravidar deve estar sempre em mente e é a segunda dica. Portanto, não adianta ficar pensando o que teria acontecido se você não tivesse tomado anticoncepcional ou se tivesse cuidado melhor da saúde. Os problemas de fertilidade podem aparecer para qualquer mulher e, independentemente das decisões tomadas no passado, agora a ideia é se focar no presente e no futuro. Neste sentido, uma boa dica é pensar nas coisas boas que virão quando você finalmente conseguir engravidar.

Contar com a ajuda do parceiro também é extremamente importante. Homem e mulher não podem ficar culpando um ao outro pela dificuldade de engravidar, mas sim trabalhar em equipe pensando no que é melhor para superar o problema. Assim, o melhor é os dois lados se respeitarem e cuidarem um do outro, respeitando os sentimentos. Aprender a dividir a frustração, o estresse e a tensão deste momento também é fundamental, assim como saber dividir as responsabilidades do tratamento para superar o problema atual.

Outra atitude importante é conhecer o problema pelo qual você está passando. Ter ciência do que causa os problemas de fertilidade, como eles podem ser tratados e superados pode trazer um alento à mulher, que percebe que a culpa da situação não é dela e que tudo pode ser revertido. Além disso, deve-se questionar o médico a respeito das dúvidas e conversar com outras pessoas que passam pelo mesmo problema. Isso ajuda a perceber que a sua realidade não é única.

Problema de Fertilidade

Problema de Fertilidade

O próximo passo é estabelecer um limite das coisas a serem feitas para superar o problema de fertilidade. Isso deve ser decidido após uma conversa entre o casal. O melhor é definir com o parceiro se tratamentos mais complexos serão realizados ou se, neste caso, é melhor partir para a adoção ou outra alternativa. O que é importante nesta questão é saber que o casal precisa sentir que está no controle da situação. Para quem não sabe como definir o que fazer, uma dica interessante é determinar o que não fazer. Pensar em situações que vão além do que a mulher ou o casal deseja pode ser uma boa alternativa para definir os limites.

Num sentido muito parecido está o limite de quanto o casal vai gastar para superar esse problema. De maneira geral, os tratamentos de fertilidade e os medicamentos para este fim são bastante caros e nem todo mundo está disposto a investir um dinheirão em algo que não garante retorno. Se o casal estiver disposto a fazer de tudo, então a dica é consultar o médico para ver se há alternativas mais baratas, possibilidades de desconto, etc. Em alguns locais, o tratamento para problemas de fertilidade é gratuito, mas, neste caso, costuma ter uma demanda muito grande de pessoas querendo fazer o tratamento. Mesmo assim, pode ser uma boa opção.

Outra dica que ajuda muito a mulher que sofre com problemas de fertilidade é procurar ajuda de pessoas que têm o mesmo problema e de profissionais que trabalham com casos como esse. Isolar-se e ter vergonha dessa situação não é bom para ninguém e só faz mal. E hoje, com a internet, é possível encontrar esse apoio sem precisar se expor muito, o que é uma boa notícia. Além disso, vários centros que trabalham com a fertilidade disponibilizam atendimento psicológico, o que também é muito importante para o casal ficar tranquilo e paciente durante o processo de tratamento.

Neste período em que a mulher está fazendo o tratamento de fertilidade ela também pode se dar o direito de não se envolve em situações que a lembrem do fato de ela não ter engravidado. A mulher só deve ir a eventos relacionados a bebês se não for ficar muito triste ou estressada com a situação. Caso contrário, o melhor é evitar momentos assim.

As duas últimas dicas superimportantes são manter o equilíbrio e continuar possuindo outros interesses. Manter o equilíbrio significa ser otimista, mas saber que o tratamento pode não dar certo. O melhor é esperar pelo melhor e estar preparado para o pior. Já o fato de outros interesses ajuda a desestressar e manter a cabeça longe de preocupações, pelo menos por alguns momentos. Como os tratamentos de fertilidade podem demorar muito tempo e serem um tanto complicados, é bom poder sair de casa, fazer algo que dê prazer e esquecer a tensão inerente a esse momento.

Conheça Os Mitos e Verdades Sobre Problemas de Fertilidade


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*