Você está aqui: Capa > Casamento > Convite de Casamento: Os Modelos Mais Belos

Convite de Casamento: Os Modelos Mais Belos

Os Melhores Modelos De Convite De Casamento

convite casamento modelos
Os Mais Criativos

Por Raphaela Perin

Muitas pessoas acreditam que o convite de casamento é apenas um “extra”. No entanto, ele representa muito mais do que isso, porque simplesmente apresenta qual é o tipo de cerimônia escolhido pelo casal. O convite de casamento tem a função de deixar a primeira impressão e, como diz o ditado popular, “a primeira impressão é a que fica”. Então, não custa nada despender um tempo a mais para escolher o modelo mais apropriado para o casamento.

O mais interessante dos dias de hoje é que os modelos de convite tradicionais não são mais a maioria e hoje eles simplesmente podem ser confeccionados com materiais diferenciados e trazer mensagens diferentes, ficando totalmente personalizado e oferecendo a possibilidade de o casal escolher um convite inovador, ousado, tradicional, clássico, artesanal, etc.

Como Escolher

A grande vantagem de poder optar entre diversos modelos de convite de casamento diferentes é o fato de poder economizar com isso. Independentemente do estilo da noiva e da cerimônia, é possível optar por um convite que seja adequado às necessidades, mas num valor mais baixo do que o normal.

De qualquer forma, existem algumas dicas infalíveis para evitar algum erro na hora de escolher o modelo de convite. Portanto, o primeiro item a ser avaliado é justamente o que foi escrito anteriormente: o convite tem que estar de acordo com o estilo da cerimônia. Ou seja, se o casamento for tradicional, o mesmo deve acontecer com o convite; se o casamento for mais descontraído, o convite pode ser mais divertido; e assim por diante. Em qualquer caso, o material é importante, sendo que os papéis mais indicados são o couché ou o vergé. As cores usadas geralmente são claras, principalmente o marfim, o creme ou ainda o branco.

convite casamento modelos
Os Mais Criativos

Em seguida, deve-se avaliar se o casamento contará com uma festa depois da cerimônia ou se não haverá nada neste estilo. Se for mais simples, um convite menor deve ser adotado, porque não fica bem ter um convite todo requintado para um casamento menor e sem tanto luxo.

O próximo passo a se avaliar é o tipo de letra a ser utilizado, o modo de impressão e a mensagem. A fonte da letra deve ser escolhida de acordo com o casal, mas é importante que seja escolhido um tipo de letra fácil de ser lido, sem muitos detalhes e curvas. Por outro lado, usar letras comuns, como o Arial e o Times New Roman, não é muito legal, porque não deixa o convite personalizado. O modelo de impressão mais utilizado – e um dos mais baratos também – é o relevo americano. Fica muito bonito e é simples.

Ao comprar os envelopes, o mais indicado é que se compre em quantidade maior do que a de convite, para o caso de algum estragar e precisar ser substituído. Quanto aos convites, pode-se mandar imprimir alguns a mais, para os convites de última hora e também para poder guardar um para o casal.

No momento da distribuição, o ideal é fazer a entrega, pelo menos, seis semanas antes da cerimônia. Isso vale para os convidados que moram na mesma cidade. Para os de fora, pode-se ter um tempo a mais, já que é preciso enviá-los pelos Correios. Vale lembrar que as primeiras entregas devem ser feitas para os pais e padrinhos – mesmo eles já estando pré-convidados.

Um detalhe é em relação ao cartão da lista de presentes. Se for anexado ao convite, faça na parte de trás com um clipe pequeno.

Confira Nossa Galeria de Fotos e Comentem!

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*